Juju Salimeni fala sobre crises de ansiedade: “É a pior sensação do mundo” (Foto: Reprodução/Instagram)

A modelo fitness Juju Salimeni apareceu em seu perfil do Instagram para conversar com os seguidores sobre suas crises de ansiedade.

+ Braço de mobilidade da Embraer, Eve recebe encomenda de 200 “carros voadores”
+ Juju Salimeni fala sobre psoríase durante a depressão: ‘me rasgava inteira’
+ Juliette revela medo da fama e crises de ansiedade: ‘chego a me tremer’
+ Mariana Goldfarb compartilha com seguidores como combate a ansiedade e o estresse

“Vou falar bem a real para vocês. Não curei a minha ansiedade e, para ser muito sincera, não sei se de fato existe cura. Acho que talvez a ansiedade seja uma característica da pessoa. Acho sinceramente que é uma coisa que você aprende a lidar, mas não algo que se livra completamente. A gente é ansioso e pronto, tem que contornar as situações”, começou ela.

Relacionados

Segundo ela, em alguns momentos tem mais ou menos crises dependendo das situações. “Eu ando tendo bastante ansiedade ultimamente. Especificamente hoje tive uma crise de ansiedade. A diferença é que depois de tantos anos passando por isso, você consegue identificar o que é uma crise, se acalma mais rápido e entende o que está acontecendo. Então, aquela coisa ruim passa mais rápido”, explicou Juju.

“As minhas crises são terríveis. É a pior sensação do mundo. Elas acontecem se eu ficar com medo de alguma coisa, assustada por alguma coisa, nervosa por algum motivo. Se acontecer alguma situação e aquilo me deixar estressada ou com medo, esquece. Hoje aconteceu isso. Infelizmente uma pessoa chegou para mim e falou uma coisa que me assustou muito. Eu não posso passar por esse tipo de situação. Quando eu levei esse susto, foi na hora. O coração disparou, taquicardia insuportável. Tive uma sensação de desmaio na hora, e controlei a respiração, porque caso contrário desmaiaria”, lamentou a apresentadora.

Juju ainda explicou que o efeito da ansiedade é imediato. “Já fiquei embrulhada no estômago, meu intestino sente na hora. Às vezes preciso ir correndo ao banheiro. Minha pressão sobe. São sintomas terríveis”, disse ela.