• Ana Furtado compara rosto com e sem filtro e reflete: “Não aceitei mais ser infeliz”

    Ana Furtado compara rosto com e sem filtro e reflete: "Não aceitei mais ser infeliz"
    Ana Furtado compara rosto com e sem filtro e reflete: “Não aceitei mais ser infeliz” (Foto: Reprodução/Instagram)

    Ana Furtado publicou uma foto em que aparece com e sem os filtros do Instagram e escreveu um texto sobre autoestima, rejeitando as pressões por padrões estéticos impossíveis.

    + Ana Furtado dança com Boninho após treino
    + Mayra Cardi fala sobre conversão: “Não consigo mais usar filtro e decote”
    + Marília Mendonça planeja refazer procedimentos estéticos: “Para colocar no lugar de novo”

    “Sempre procurei ter cuidado comigo mesma. Buscar minha melhor versão, cuidando muito da minha saúde física e mental por amor próprio. Cresci exercitando-o e tendo essa consciência. Mas é claro que, muitas vezes, principalmente por conta da profissão, já me encontrei em situações de muita pressão estética”, começou ela.



    Em seguida, ela comentou como foi sua trajetória de aceitação. “Todas nós (dentro ou fora de um padrão, independente da profissão, mas simplesmente por sermos mulheres) nos deparamos com isso um (ou vários) dia(s) de diferentes maneiras. Cedi por algumas vezes. Recusei em outras. Ainda muito nova, quando me dei conta de que não poderia maltratar meu corpo físico para seguir um ideal de beleza impossível, não aceitei mais ceder. Não aceitei mais ser infeliz por uma busca que não fazia sentido. Correr para uma linha de chegada que nunca chega. Resolvi pegar mais leve comigo. Foi uma vitória e um desafio. Ainda é um exercício diário”, contou Ana.

    Segundo a apresentadora, os filtros podem ser muito prejudiciais para a saúde mental. “Volta e meia algumas armadilhas aparecem pelo caminho. Um dia desses brincando com filtros aqui, como muitas vezes já brinquei, estranhei meu próprio rosto logo que desliguei. Espera aí. Me comparei com um efeito computadorizado? Nessa altura do campeonato? Como assim??? Essa sem filtro sou eu, sim! Com todas as marcas que contam minha história e fazem parte de quem sou. Marcas que são parte de uma criatura viva, que chora, sorri, sente e vive! E que bom que posso experimentar essas sensações, não é? Estou viva! Estamos vivas”, exclamou ela.

    No entanto, ela salientou que criticar o uso dos filtros não é a intenção dela, mas sim que eles sejam usados de forma consciente. “Essa conversa não é pra dizer ‘não usem filtros’. Longe disso! Adoro me divertir com alguns deles. É simplesmente pra dizer que, se em algum momento, algo ou alguém mexe ou abala o seu bem estar e a sua auto estima, reveja se vale a pena. Por mais bobo ou inofensivo que possa parecer. Você pode sempre buscar o rosto, corpo e aparência que desejar, usando o método que desejar. Mas, antes, um conselho: priorize sua saúde física e mental sempre. Por amor próprio. Por cuidado com você mesma. Por carinho. Não se cobre tanto e não seja tão dura consigo mesma. Você é única nesse mundo. Como já disse uma vez e repito: você é uma edição limitada sem limites para ser feliz”, finalizou Ana.

    + Dicas fáceis de como limpar panela queimada
    + 19 erros que você não pode cometer ao planejar a cozinha
    + 26 curiosidades sobre a Porsche

    arrow