• 5 séries com protagonismo negro para ver na Netflix

    5 séries com protagonismo negro para ver na Netflix
    5 séries com protagonismo negro para ver na Netflix (Foto: Reprodução/Instagram)

    Séries com protagonismo negro existem, mas estão longe de ser o ideal. Quando ganhou o Emmy de Melhor Atriz em 2015 por How To Get Away With Murder, Viola Davis emocionou o mundo com seu discurso apontando a falta de diversidade no elenco de diversos filmes e séries.

    Confira algumas das melhores séries com protagonismo negro disponíveis na Netflix!



    + Fica em casa: 5 documentários para explorar na Netflix
    + Feriadão em casa: 10 séries brasileiras para maratonar na Netflix
    + 5 séries curtas para maratonar na Netflix durante o feriado

    1. Cara Gente Branca 

    Ano: Desde 2017
    Gênero: Comédia, Drama

    Com quatro temporadas, Cara Gente Branca aborda as discriminações raciais e sociais sofridas por um grupo de estudantes negros em uma faculdade predominantemente composta por estudantes brancos.

    2. How to Get Away With Murder

    Ano: 2014 – 2020
    Gênero: Drama, Suspense, Crime

    Um grupo de ambiciosos calouros de Direito competem entre si para conseguir a atenção da Professora Annalise, mas acabam se envolvendo em uma trama de assassinato distorcida que promete mudar o curso de suas vidas.

    3. The Get Down

    Ano: 2016 – 2017
    Gênero: Drama, Musical

    A série se passa na década de 1970 no Bronx, na cidade de Nova York, e segue a ascensão do hip-hop e da música disco através dos olhos de um grupo de adolescentes negros e de minorias que são marginalizadas.

    4. Pose

    Ano: 2018 – 2021
    Gênero: Drama

    Ambientada na Nova York do final dos anos 80 e início dos 90, esta é uma história da cultura do baile e da comunidade gay e trans, a crise violenta da AIDS e o capitalismo na era de Trump.

    5. Atlanta

    Ano: Desde 2016
    Gênero: Comédia , Drama

    Criados em Atlanta, EUA, Earn e seu primo Alfred tentam fazer seu caminho no mundo através da cena do rap. Ao longo do caminho, eles se deparam com questões sociais e econômicas que abordam raça, relacionamentos, pobreza, status e paternidade.

    arrow