Polícia indicia dois pela agressão de Henri Castelli no Alagoas (Foto: Reprodução/Instagram)

A Polícia Civil do Alagoas indiciou dois agressores do ator Henri Castelli, os empresários Bernardo Malta e Guilherme Accioly. A informação foi confirmada pelo UOL pelo advogado dos suspeitos.

+ Henri Castelli se emociona ao contar sobre agressão: “Fui agredido covardemente”
+ Henri Castelli conta que perdeu o aniversário da filha por conta da agressão
+ Henri Castelli se emociona ao relembrar agressão: “Fazendo terapia para me acalmar”

Henri Castelli foi agredido no final do ano passado em uma marinha, no Alagoas. Em seu perfil do Instagram, contou sobre o caso e afirmou ter sido agredido sem possibilidade de defesa.

Relacionados

“Anunciaram há pouco que eu entrei numa briga em Alagoas, o que não é verdade. Foi muito triste o que aconteceu comigo. Vocês devem ter visto que eu dei entrada na Santa Casa de Alagoas no final do ano por ocasião de um acidente na academia. Mas a verdade é que não foi um acidente e não foi na academia. Eu fui agredido covardemente, sem que eu pudesse reagir ou me defender”,

No entanto, em entrevista para o UOL, o advogado dos suspeitos, Lucas Dória, alega que o ator teria começado a briga. “Ele foi para cima do Guilherme e foi gerada uma situação desnecessária. Quando o Henri Castelli deu um soco no Bernardo pegou no Guilherme e ele teve um derrame no olho. Temos testemunhas, esposas e marinheiros que viram a cena”, contou o advogado.