Nome do filho de Bonner foi usado em fraude do auxílio emergencial

O jornalista William Bonner denunciou nesta quinta-feira (21), em sua conta no Twitter, que os dados do seu filho Vinícius foram usados em uma fraude envolvendo o auxílio emergencial de R$ 600 dado pelo governo federal.

+Atriz Clarice Falcão vira assunto após foto com vibrador de luxo
+Mariana Xavier compartilha clique de lingerie
+Atriz Larissa Manoela pinta quadro em vídeo

“Estelionatários têm usado há 3 anos o nome e do CPF de meu filho para fraudes, como a abertura de empresas ou a contratação de serviços de TV por assinatura, entre outras. Na terça, dia 19, fui informado de que o jornal Meia Hora tinha obtido documentos do suposto registro de meu filho no programa de auxílio emergencial do governo. Meu filho não pediu auxílio nenhum, não autorizou ninguém a fazer isso por ele. Mais uma fraude, obviamente”, comentou o jornalista.

Relacionados

“Quantos entre esses realmente fraudaram o programa? Meu filho não fraudou, é vítima e pode provar. Não se zelou pela aplicação do dinheiro público? Quem protege os cofres públicos da ação de estelionatários ou de pessoas mal intencionadas?”, finalizou Bonner

Bonner é pai dos trigêmeos Vinícius, Laura e Beatriz, do relacionamento que teve com Fátima Bernardes.