• Influencer trans é atacada nas redes sociais e famosas se posicionam

    Influencer trans é atacada nas redes sociais e famosas se posicionam
    Influencer trans é atacada nas redes sociais e famosas se posicionam (Foto: Reprodução/Instagram)

    A influenciadora trans Marcella Pantaleão recebeu apoio de famosas nas redes sociais após dois streamers do jogo Free Fire fazerem comentários transfóbicos direcionados a ela.

    + Irmã de Pedro Pascal se assume trans e ator se emociona: “Nossa Lux”
    + “Eu era atriz de mim”, diz ex-Malhação ao revelar transição sexual no Instagram
    + Elliot Page anuncia separação da esposa após 3 anos de casamento

    “O Nobru comentou a foto da ruiva lá, botando coraçãozinho no olho, quando fui ver era uma ruiva de três pernas. Ave Maria”, disse Buxexa durante uma transmissão ao vivo, se referindo ao campeão brasileiro de Free Fire, Bruno “Nobru” Goes.



    “Eu vi (risos). Minha mulher me mostrou e disse ‘Nobru comentou nesta foto aqui, mas essa mulher é um homem, ele não sabe não?'”, acrescentou Racha, que também estava na live.

    Assista:

    Nas redes sociais, famosas se posicionaram sobre os comentários feitos sobre Marcella. “Estou extremamente esgotada! Hoje pela primeira vez me peguei perguntando se realmente vale a pena essa luta ou se estou dando murro em ponta de faca. O que leva pessoas a te atacarem nas redes sociais por um posicionamento que você teve? Até ameaçada de morte já fui hoje”, disse a cantora Pepita.

    Ariadna Arantes também se posicionou e acabou recebendo ataques, que ela compartilhou em um vídeo. “Pra fechar o domingo, alguns milhares de HATERS me atacando porque saí em defesa da Marcella pela TRANSFOBIA sofrida. Depois dizem que é MIMIMI. Haters seus fofos. Seus ódios e ataques não vão nos calar”, mostrou a ex-BBB e ex-No Limite.

     

    Ver essa foto no Instagram

     

    Uma publicação compartilhada por Ariadna ♊️ (@ariadnaarantes)

    Buxexa, um dos influenciadores responsáveis pelos comentários, chegou a ser desligados das organizações que representava, a Garena e o Fluxo. Nas redes sociais, as organizações comunicaram as demissões.

    arrow