Anitta desmente boatos de gravidez / Foto: Reprodução Instagram

Em uma live realizada na noite desta terça-feira (2), a cantora Anitta comentou sobre os protestos contra o racismo que tiveram início nos Estados Unidos e revelou que no passado não dava muita importância sobre o tema, mas que mudou de opinião.

+Mãe de Neymar e namorado deixam mansão de ambulância após vizinhos ouvirem gritos
+Irmão de Luciano Huck, Fernando Grostein posta foto com namorado e faz desabafo
+Perlla fala sobre racismo ao relembrar infância “sou negona de sangue”

Relacionados

“Ah, gente, está se vitimizando. Agora, tudo te olham torto porque você é negra. Pensava assim’. Até que a minha bailarina Arielle começou a me explicar coisas”, comentou a cantora.

“Por mais que você pense, ‘não sou preconceituoso’. Várias atitudes… Aprendo a cada dia coisas que têm origem preconceituosa. Aprendo a não fazer. Eu não via que as pessoas faziam isso, até que comecei a me informar, a prestar atenção”, completou Anitta.