Rodrigo Bocardi rebate telespectador ao vivo no Bom Dia SP sobre situação do lixo
  • Rodrigo Bocardi rebate telespectador ao vivo no Bom Dia SP sobre situação do lixo

    Rodrigo Bocardi rebate telespectador ao vivo no Bom Dia SP sobre situação do lixo

    Rodrigo Bocardi rebate telespectador ao vivo no Bom Dia SP sobre situação do lixo
    Rodrigo Bocardi rebate telespectador ao vivo no Bom Dia SP sobre situação do lixo

    Rodrigo Bocardi decidiu responder a um telespectador que enviou uma mensagem após uma reportagem do Bom Dia SP, da Globo, sobre a presença de lixo nas ruas de São Paulo. Bocardi chegou a receber várias críticas nas redes sociais, nesta quinta-feira (21).

    Veja também

    • Fã comenta sobre treinamento de Gracyanne Barbosa “Isso que é uma calça resistente”
    • Fátima Bernardes é clicada de biquíni ao lado do namorado, Túlio Gadêlha
    • Patrícia Poeta surge ao lado da irmã em clique raro
    • Veja a lista de séries na Netflix para o mês de Dezembro
    • Atores de Supernatural fazem tattoo secreta juntos

    Ao vivo, o jornalista afirmou que era responsabilidade também dos moradores guardar o lixo em casa até o momento que houvesse a coleta. Depois de ler algumas mensagens com críticas ao seu posicionamento, o Bocardi defendeu a sua posição.

    O apresentador acrescentou: “Respondi ele agora. Coloquei ‘ué, você não faz isso? Guarda na mochila, na bolsa, guarda em casa até passar a coleta, até colocar no local certo’. Eu acredito nisso. Agora você dizer que guardar em casa é piada. Me desculpa, mas piada é você que não está respeitando o resto da população, essa é a verdade”.

    O jornalista ainda destacou outro comentário criticando a sua posição, que dizia que era utopia guardar lixo em casa. A apresentadora Natalia Ariede também explicou a situação: “Não e guardar, colecionar, é esperar o momento certo. Até lá é responsabilidade é sua”.

    Bocardi tentou encerrar o assunto em tom de desabafo, comentando a fala de um morador que disse que “todos faziam isso”, por isso jogava lixo na rua. “Por isso construímos uma sociedade que o lixo sempre está na porta do outro”.

    arrow