Lázaro Ramos fala sobre leitura: “Não é só rico que gosta de ler” (Foto: Reprodução/Instagram)

Lázaro Ramos lançou dois livros, O Pulo do Coelho e Edith e a Velha Sentada, e conversou com a revista Quem sobre a importância da leitura.

+ Lázaro Ramos encontra Gil, do BBB 21, no avião e brinca: “Vigorei”
+ Marina Ruy Barbosa faz primeira aparição após a separação e revela que irá se dedicar a leitura
+ Gil, do BBB 21, recebe primeiro exemplar de seu livro e se emociona

“Esses dois livros foram muito inspirados na observação das crianças que me cercam. As questões de autoestima, o tipo de brincadeira que elas fazem, o jeito de sonhar que elas têm, o tema da autonomia”, explicou ele.

Relacionados

Ele ainda se posicionou contra as tentativas de acabar com a isenção de imposto sobre livros. “A gente precisa lembrar que diferentemente do que foi dito não é só rico que gosta de ler. Quando você aumenta a taxação de um livro você está retirando esse direito de uma camada gigante da população que tem muito prazer com a leitura”, afirmou.

Também segundo Lázaro, os pais precisam incentivar a leitura por meio de suas próprias leituras. “Para tudo na vida com relação à criança, os nossos filhos estão nos olhando o tempo todo. Não adianta dizer para a criança ler se você não lê na frente dela, se não conversa sobre os livros que você leu na frente dela, e se, principalmente, se você não sai do lugar, do pedestal de autoridade para falar sobre livro, que eu acho que é prejudicial para o estímulo à leitura”, concluiu ele.